• tecnocloud26

Saiba se você foi aprovado para receber o novo Auxílio Emergencial; governo liberou consulta



O Governo Federal liberou a consulta para o novo auxílio emergencial nesta sexta-feira (2). Inicialmente o sistema seria aberto na quinta-feira (1º), mas acabou sendo adiado.


Para consultar sua situação existem três opções. O site do Ministério da Cidadania, o Dadaprev e a Caixa (veja o passo a passo). Nos dois primeiros dá para saber se seu cadastro foi aprovado, ou seja se você têm condições de receber a quantia. Já na Caixa dá para checar onde o dinheiro vai ser pago.


Lembrando que o fato de ter recebido o primeiro auxílio não garante o pagamento do segundo, mas o cadastro continua sendo o mesmo, o que muda são apenas algumas regras. Ou seja, não é preciso fazer um novo cadastro.


Segundo o Ministério da Cidadania, ocorreu uma nova triagem dos cidadãos cadastrados no sistema para manter apenas quem realmente necessita do Auxílio Emergencial na volta do programa. Com a medida, apenas 45 milhões devem receber o novo auxílio — cerca de 11 milhões de brasileiros cadastrados anteriormente no programa ficarão de fora. Como o benefício será destinado aos mesmos beneficiários cadastrados no ano passado, não será preciso fazer um novo cadastro.


Como este ano não foram abertos novos cadastros, só terá o benefício aqueles que tenham recebido também em 2020. De acordo com o cronograma, para quem recebe o Bolsa Família, os pagamentos começam em 16 de abril e continua valendo a regra do valor mais vantajoso.



Consulta para o novo Auxílio Emergencial

Quem fizer a consulta para o novo Auxílio Emergencial e constar como inelegível, tem 10 dias para fazer a contestação no sistema. Para que a contestação seja processada é necessário que haja uma atualização nos dados cadastrados no Dataprev, assim como acontecia com o auxílio pago ano passado.


Mensalmente também há uma avaliação do cadastro de quem recebe. Caso você já receba alguma parcela e futuramente haja um cancelamento, também é possível contestar nos mesmo moldes.


Dividida em quatro parcelas, a nova rodada de pagamentos terá um valor médio de R$ 250, podendo chegar até R$ 375 para famílias comandadas por mulheres que criam filhos sozinhas. Os valores, pagos por meio do Caixa Tem, serão direcionados aos trabalhadores informais com renda mensal inferior a meio salário mínimo e renda familiar de até três salários mínimos.


Os pagamentos serão feitos por meio de conta poupança digital da Caixa. Essa conta pode ser consultada no Caixa TEM. Agora, para quem recebe o Bolsa Família, o pagamento será realizado da mesma maneira que o benefício. Lembrando que quem recebe a bolsa pode escolher qual ajuda vai querer.


No dia 6 de abril o novo Auxílio Emergencial começa a ser pago para os trabalhadores que fazem parte do Cadastro Único e para os que se inscreveram por meio do site e do aplicativo do programa (faça a consulta). Já para quem recebe o bolsa família, os pagamentos começam em 16 de abril. (Veja o calendário)



Fontes:[olhardigital,caixa]



63 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Atualizado em    15/04/2021

Copyright © 2020 Tecnocloud26.